Home / Brasil / Polícia investiga mãe que teria escondido bebê recém nascido

Polícia investiga mãe que teria escondido bebê recém nascido

Ana Krüger | Londrina

(Foto: imagem ilustrativa) - Polícia investiga mãe que teria escondido bebê recém nascido
(Foto: imagem ilustrativa)
A Polícia Civil investiga o caso de uma mulher de 27 anos que teria escondido o corpo do filho recém nascido em Londrina. De acordo com o delegado Ricardo Jorge, que investiga o episódio, a mãe foi até um hospital do município reclamando de fortes dores. No entanto, quando os médicos a examinaram ela ainda estaria com a placenta e com o cordão umbilical.

A mulher chegou a negar que teve um bebê, mas após ser questionada admitiu que fez o parto no apartamento onde mora e lá o escondeu. Quase um dia depois do parto, a jovem – já internada – orientou o homem que mora com ela a buscar a criança no apartamento. Ele colocou o recém nascido dentro de uma caixa de sapato e o levou até o hospital. O delegado afirmou que o bebê já estava morto, porém, segundo as primeiras perícias, o bebê chegou a nascer com vida, após oito meses de gestação, e morreu de traumatismo craniano.

O caso é investigado pela delegacia de homicídios. Segundo o delegado foram feitas diligências na casa da jovem e havia resquícios de sangue no banheiro, o que poderia ser um sinal de que o parto foi realizado ali. A jovem e o homem que mora com ela ainda não foram ouvidos. A polícia já os intimou duas vezes, mas em nenhuma das ocasiões eles compareceram. Mais uma tentativa de ouvir os acusados está prevista para a próxima sexta-feira (26).

Os pais da jovem estão chocados com a situação e alegam que não sabiam da gravidez da filha. A jovem pode ser indiciada por homicídio qualificado ou infanticídio.

Você pode Gostar de:

TCE suspende licitação dos radares em Jacareí após recurso de empresas

Cidade está sem fiscalização eletrônica desde maio, quando terminou o contrato com a empresa operadora …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display