Home / Brasil / PM morto ao tentar impedir assalto a joalheria no Rio era baiano

PM morto ao tentar impedir assalto a joalheria no Rio era baiano

por Bahia na web

O soldado da Polícia Militar do Rio de Janeiro (PMERJ) Jefferson Cruz Pedra, 37 anos, morto durante um assalto a uma joalheria nesta quarta-feira (4), é natural da Bahia. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da corporação. Segundo o Jornal Hora Um, da TV Globo, a previsão é de que o pai do PM chegue na capital fluminense ainda nesta quinta-feira (5) para liberar o corpo do filho.
Ainda de acordo com a PMERJ, a família não permitiu a divulgação de informações sobre o sepultamento do soldado, mas o enterro será realizado no Rio. A cidade de origem da vítima não foi divulgada. Jefferson morava sozinho, era lotado no 18º Batalhão de Polícia Militar (BPM/Jacarepaguá) e estava na corporação havia dois anos.
O soldado também trabalhava como segurança da Joalheria Monte Carlo Joias, que fica no Tijuca Off Shopping, em uma área muito movimentada. Por volta das 20h desta quarta-feira (4), bandidos armados chegaram em duas motos para roubar o estabelecimento. O policial tentou impedir a ação, e acabou baleado sete vezes.
Houve pânico e correria entre os clientes, que tentaram se proteger fugindo em direção à rua. Os criminosos conseguiram fugir.
O soldado foi socorrido e chegou consciente ao Hospital Federal do Andaraí, mas não resistiu aos ferimentos. Outras duas pessoas que estavam no local ficaram feridas. Flávia Laranjeira Cardoso, 44 anos, e Vinicius Noronha Hajar, 35, foram baleados na perna com o mesmo tiro. Eles também foram levados para o hospital, mas foram medicados e liberados.
Jefferson chegou consciente ao Hospital Federal do Andaraí, mas não resistiu (Foto: Reprodução)
Policiais da Divisão de Homicídios fizeram perícia no local, mas ainda não identificaram e localizaram os bandidos. O valor roubado não foi divulgado.
PMs mortos no Rio
Jefferson foi o quinto PM a ser assassinado no Rio de Janeiro neste ano. Na manhã desta quinta, o número de policiais militares mortos subiu para seis: o soldado Marcelo Abdala foi morto depois que criminosos armados tentaram assaltar dois caminhões dos Correios, na Rodovia Presidente Dutra. Na mesma situação, outro policial foi atingido no joelho, e um terceiro levou uma coronhada.(Correio)
Compartilhar:

Você pode Gostar de:

Bandidos fortemente armados roubam três ônibus de turismo na BR-116

Fonte: João Carlos Frigério -MassaNews Bandidos fortemente armados de fuzil roubaram três ônibus de turismo na …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display