Home / Brasil / Filho de PM é torturado e morto após assalto a residência

Filho de PM é torturado e morto após assalto a residência

Da redação | Umuarama
Filho de PM é torturado e morto após assalto a residência

Reprodução/FacebookReprodução/FacebookReprodução/FacebookReprodução/FacebookColaboração: O Bem DitoColaboração: O Bem Dito

+6

Colaboração: O Bem Dito

Guilherme Sela, 16 anos, filho de um policial militar foi encontrado morto por volta das 23h desta quarta-feira (4), após ser sequestrado por criminosos durante assalto a residência no Parque Cidade Jardim, em Umuarama.

O corpo foi encontrado em uma estrada rural próximo à rodovia PR-323, em antigo frigorífico que está desativado há algum tempo. Informações preliminares apontam que o garoto foi assassinado com golpes de faca após ser torturado. Havia marcas de agressão na cabeça e sua orelha teria sido cortada.

No assalto a casa, os homens levaram diversos objetos e eletrônicos. Eles fugiram com o veículo da vítima, mas se envolveram em um acidente de trânsito na PR-323, por volta das 23h, em frente ao Parque de Exposições.

Dentro do carro foram encontrados os objetos da família e munição calibre .40.

Suspeito preso

Um jovem de 19 anos foi preso tentando entrar no Parque de Exposições na noite de ontem. Ele tem passagem por homicídio, enquanto era menor.

No momento da prisão, a Polícia Militar (PM) não sabia da morte de Guilherme Sela. Pouco tempo depois, a equipe recebeu a informação da mãe da vítima, que está em uma praia de Santa Catarina com outro filho, que o garoto tinha desaparecido. Ele estava em casa sozinho. O pai dele estava em serviço em outra cidade.

Uma grande força-tarefa foi reunida na tentativa de identificar mais suspeitos.

Colaboração: Umuarama News.

Você pode Gostar de:

PM´s de Jacareí Detém Quatro Indivíduos com Carro Roubado.

A equipe da Rocam em um trabalho conjunto com a equipe Bravo da bike da …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display